terça-feira, 13 de novembro de 2012

Elfen Lied

Oi pessoal! Como vão vocês? Espero que bem! Bom primeiramente eu necessito de férias, estou velha demais pra escola! (no figurado)
Bem ultimamente (graças a deus) ando assistindo um número bom de animes e recentemente encerrei um anime muito bom, ele é Elfen Lied!

Diclonius são a evolução da raça humana, eles são mutantes, ditos, escolhidos por Deus para serem os aniquiladores da humanidade. Possuem dois chifres em suas cabeças e uma estranha habilidade similar a telecinese sob formas de braços (braços invisíveis mais perigosos que uma metralhadora). Extremamente perigosos e cientes de sua "missão", foram subjugados pelo governo que os mantém confinados em laboratórios os estudando, os tratando como animais. Lucy é uma Diclonius cuja jovem e bela aparência escondem uma personalidade psicótica (psicótica é pouco) e ela, após matar dezenas de guardas, escapa de seu confinamento, porém é alvejada por um tiro na cabeça e cai no mar sendo encontrada por Kouta e Yuka na praia, mas com uma personalidade totalmente diferente, infantil e inocente, sem memórias e a única coisa que fala é "nyuu". Os dois levam-na para casa e decidem cuidar dela, batizando-a de Nyuu. Entretanto, parece que "Lucy" ainda não está morta e nem se esqueceu de seu passado...

Com cenas sangrentas com mutilações não recomendadas a pessoas sensíveis Elfen Lied criado pelo mangaká Lynn Okamoto, publicado pela editora Shueisha no Japão e pela Panini no Brasil, tendo seu mangá com 12 volumes e 13 episódios no anime feito pelo estúdio GENCO, VAP e Seion, é um anime muito recomendado para pessoas que curtem ação, drama, ficção científica (bem bolada por sinal), seinen e horror (o.O').

Gostei muito mesmo do anime, achei que fizeram um bom trabalho nele (mesmo com umas cenas eichi e outras mais adultas)
Recomendo, fiquem com umas imagens espero que tenham gostado do post, Elfen Lied pode ser assistido pelo anitube. Sayõnara!






2 comentários:

  1. uma tag te espera, (* ゚ ▽ ゚)

    http://shoujobau.blogspot.com.br/2012/11/tag.html

    ResponderEliminar